baby pilates

 

Quais são os benefícios da prática de exercícios físicos junto com o bebê, como o pilates baby, para a mãe no período pós-parto?

R: A gestação está associada a diversas modificações corporais na mulher.  Os exercícios de pilates buscam a recuperação da musculatura do assoalho pélvico e colaboram com o fortalecimento da musculatura responsável pela estabilização e sustentação da coluna. O retorno das atividades físicas após o parto é importante para o bem estar físico e mental das mães.

E quais são os benefícios desses exercícios para o bebê?

R: Não existe evidência científica clara sobre os benefícios desses exercícios para o bebê.  Também não existe contra indicação desde que as limitações físicas inerentes aos bebês sejam respeitadas.

Praticar exercício físico com o filho pode ser bom para estreitar o vínculo com o bebê?

R: Sim, na medida que é mais um momento em que a mãe pode dedicar sua atenção a ele. O contato corporal ajuda a consolidar o relacionamento entre ambos.

Depois de quanto tempo após o parto a mãe e o bebê podem começar a fazer esses exercícios? Por quê?

R: O momento de retomar as atividades físicas é variável e depende da liberação do médico responsável pela paciente. Assim como o pediatra deve ser consultado para determinar quais exercícios aquele bebe está apto a realizar. Vale lembrar que o desenvolvimento neurológico dos bebês avança de forma muito dinâmica no primeiro ano de vida, sendo que para idade existe um estímulo motor específico. 

Na hora de manusear o bebê, a mamãe tem que ter algum cuidado específico (por exemplo, não chacoalhar muito)? Por quê?

R: Sim, os bebês ganham tônus muscular e força com o avançar da idade. Um recém nascido, por exemplo, não tem tônus cervical bem desenvolvido e, portanto, deve ter um apoio para sustentação da cabeça. Já um bebê de 6 meses é capaz de sentar de forma equilibrada e sem apoio. São essas particularidades que devem ser observadas quando se propõe uma atividade motora para bebês. O mais importante é respeitar as limitações para evitar qualquer tipo de acidente.

Como a mãe pode perceber que o bebê está apresentando sinais de que não está gostando dos exercícios?

R: O bebê irá apresentar mudanças comportamentais como irritabilidade e choro.

Você indica um tempo máximo por dia que a mãe possa praticar esses exercícios com o bebê? Por quê? Tem alguma frequência semanal indicada para praticar esses exercícios? Por quê?

R: Não há evidências científicas quanto ao tempo e frequência das atividades. Deve-se evitar exercícios prolongados. Os exercícios devem ser supervisionados por profissionais habilitados. Esse profissional deve estar atento e interromper a atividade física se identificar algum desgaste.

Há alguma contraindicação para as mamães (por exemplo, não fazer exercícios logo depois de amamentar etc.)? Por quê?

R: A atividade física na lactação é benéfica. O importante é garantir uma boa alimentação e ingesta adequada de água. Exercícios em excesso devem ser evitados. O descanso também é essencial para garantir o bem estar e prolongar o tempo de amamentação.